Estudo da História nas escolas vai além de entender o passado - BEĨ Educação
    Array
(
    [0] => :
    [1] => 
    [2] => beieducacao.com.br
    [3] => estudo-da-historia-vai-alem-de-entender-o-passado
    [4] => 
)
  
Q

Estudo da História nas escolas vai além de entender o passado

PUBLICADO EM June 23, 2021

A disciplina de História serve de base para uma formação mais sólida e ajuda o estudante a pensar criticamente não só sobre o passado, mas também sobre o presente

Cada disciplina desenvolvida na escola tem uma função na formação do estudante. Dentre elas, é difícil “hierarquizar” a importância dos conhecimentos, afinal, essas matérias estão interligadas e muitas vezes são dependentes umas das outras. Entretanto, existe uma que se destaca pela forma como está presente no cotidiano, é trazida à tona em discussões da sociedade e nos faz entender melhor como chegamos até aqui: a História.

Entre outras atribuições, ela está atrelada à investigação do passado, analisando os costumes, valores, relações sociais, conflitos, crenças e outros resquícios que mostram as semelhanças e mutações da sociedade em diferentes contextos nos quais ocorreram os fatos históricos.

Seu estudo é vivo, pois diariamente as pessoas sofrem as consequências do que aconteceu e já começam a interferir no que será história no futuro. Ela está presente nas roupas, nos hábitos alimentares, no idioma, nas referências culturais e nas definições políticas.

Uma das justificativas para a importância da História, inclusive, é a análise desses fatores em prol de uma sociedade mais evoluída, que não cometeria os mesmos erros do passado. Mas é preciso considerar as nuances de cada período e entender que, da mesma forma que os contextos se alteram, os seres humanos são diferentes. Os homens e mulheres que são objetos de estudo do passado pensam, sentem ou sonham de maneira distinta ao longo dos dias, anos, décadas, séculos e milênios.

Portanto, o estudo da História vai além. Mais do que saber o que ocorreu no passado, é preciso entendê-lo e ter um olhar crítico sobre os acontecimentos para viver o presente de uma forma mais alerta e consciente. Assim, também é possível impactar indiretamente o futuro.

Nesse contexto, as escolas precisam estar dispostas a incentivar a curiosidade dos jovens, instigar a análise dos fatos de maneira crítica, dar ferramentas para os alunos se aprofundarem nos temas de maior afinidade e mostrar como a disciplina está entrelaçada aos outros conhecimentos. Projetos educacionais interdisciplinares e atrelados ao dia a dia do jovem, por exemplo, são uma ótima maneira de despertar o interesse e provar a relevância de algo tão impactante em suas vidas – no presente.

Compartilhe
Educador - QR CODEEstudante - QR CODE