Diversificação curricular ajuda a conectar a escola à vida dos estudantes - BEĨ Educação
    Array
(
    [0] => :
    [1] => 
    [2] => beieducacao.com.br
    [3] => diversificacao-curricular-ajuda-a-conectar-a-escola-a-vida-dos-estudantes
    [4] => 
)
  
Q

Diversificação curricular ajuda a conectar a escola à vida dos estudantes

PUBLICADO EM April 13, 2021

Ao trazer temas contemporâneos para a sala de aula e conteúdos que dialogam com a realidade regional e local do aluno, a aprendizagem se torna mais significativa

O currículo escolar compreende as atividades pedagógicas e os conteúdos que devem ser propostos aos estudantes para que desenvolvam as habilidades e os conhecimentos exigidos em cada série da educação básica. Desde 2017, quando foi promulgada a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), a construção dos currículos de todas as escolas, redes e sistemas de ensino do país tem como referência esse documento.

A BNCC destaca a importância de abordar de forma transversal e contextualizada temas contemporâneos que afetam a vida humana, em seis grandes áreas: meio ambiente, economia, saúde, ciência e tecnologia, multiculturalismo e cidadania. Cada uma delas desdobra-se em temas mais específicos, como educação financeira (economia), educação para a valorização das matrizes históricas e culturais brasileiras (multiculturalismo) e educação em direitos humanos (cidadania).

Além disso, as escolas também devem trazer conteúdos diferenciados a seus currículos, de acordo com o que faz sentido para cada realidade regional ou local. Essa parte diversificada deve dialogar com as características e necessidades da rede ou sistema de ensino e pode chegar ao nível de cada instituição, ao incluir, por exemplo, temas de interesse da comunidade.

Algumas das maneiras de trabalhar com essas temáticas na sala de aula são por meio da oferta de disciplinas eletivas, projetos e itinerários, que despertam o protagonismo dos alunos. Ao escolher o que vai estudar dentro das alternativas oferecidas pela escola, o estudante exercita sua autonomia e o autoconhecimento. Os projetos, por sua vez, permitem trabalhar em grupo, de forma colaborativa, e mobilizar os conhecimentos adquiridos na escola para a busca de soluções para os problemas da vida real.

Ao ampliar o leque de temas tratados, articulá-los com questões da sociedade, trabalhar os componentes curriculares de forma integrada e diversificar os conteúdos, a escola se torna mais atraente e significativa para os estudantes e mostra a importância desses conhecimentos para o seu desenvolvimento e atuação como cidadão.

Compartilhe
Educador - QR CODEEstudante - QR CODE