Q

Com algumas estratégias, professores podem deixar as aulas remotas mais dinâmicas

PUBLICADO EM September 10, 2020

Dividir conteúdos, fazer funções mais curtas, interagir com os alunos, variar ambiente das gravações e explorar recursos digitais dar ritmo e engajar mais os estudantes

Durante uma suspensão das atividades presenciais nas escolas, devido à pandemia da Covid-19, os professores tiveram que se adaptar rapidamente ao mundo digital e se reinventar para dar continuidade ao processo de ensino e aprendizagem em modela remota. Elaborar estratégias para deixar as aulas virtuais mais dinâmicas e atrativas e, assim, despertar o interesse dos alunos e estimular a sua participação, têm sido um desafio para os docentes. Confira, a seguir, algumas dicas que podem ajudar nas aulas virtuais.

Assim como existe uma preparação para a aula presencial, a aula online também deve ser planejada. Mas é preciso considerar que ela vai exigir outra dinâmica, pois o modo de interação com os estudantes é diferente, assim como a sua capacidade de concentração e atenção. Por isso, se possível, o conteúdo deve ser dividido em para que sejam considerados mais breves. Diferentes formatos – exposição teórica, tempo para a resolução de exercício e espaço para dúvidas e comentários dos alunos, por exemplo – também a manter o foco.

Apesar dos alunos não estarem presentes fisicamente, é importante que o professor mantenha o diálogo constante com eles, perguntando se estão compreendendo o conteúdo e solicitar feedback. Por não estar vendo os estudantes e falando com uma câmera – no caso das aulas gravadas, por exemplo– a linguagem também precisa ser cuidada. A recomendação é evitar o mesmo tom e falar da forma mais natural e dialógica possível.

Variar o ambiente das gravações ou mesmo o posicionamento da câmera são outros recursos que contribuem para dar um dinamismo maior às aulas. Também vale cuidar da iluminação, da qualidade do som e da postura para se ter uma qualidade estética melhor.

Um ponto importante é explorar e aproveitar os recursos que o próprio ambiente digital compatível. Inserir um vídeo, ler notícias, acessar mapas e aplicativos e mesmo fazer uma visita virtual a alguma localidades deixam a aula mais dinâmica e conseguir engajar mais os estudantes.

Para estimular a participação dos alunos, outra possibilidade é usar a sala de aula invertida, em que o professor pede para que prepararem um conteúdo para compartilhar com a classe. Outra forma ainda de manter uma interação é por meio dos trabalhos em grupo, que podem ser realizados em reuniões virtuais.

Por fim, vale considerar que esse também é um momento de grandes descobertas e aprendizados para os professores, que pode adquirir conhecimentos importantes para a sua formação e aproveitamento esse legado posteriormente, para enriquecer suas aulas presenciais.

Compartilhe